A VIDA FUTURA

Paulo afirmou em 2 Coríntios 5.1: “Sabemos que, se for destruída a temporária habitação terrena em que vivemos, temos da parte de Deus um edifício, uma casa eterna no céu, não construída por mãos humanas.”

Paulo esclarece que cada cristão pode saber como é a vida no mundo além. Ele usa palavras cheias de imagens como “habitação terrena” e “…edifício, uma casa eterna no céu” para falar do corpo físico e celestial. Ele também esclarece vividamente sobre o corpo terreno, que é mortal, no qual gememos e nos angustiamos, mas ele fala também de um corpo espiritual que não é “construído por mãos humanas”.

Paulo está extremamente consciente de que há um corpo mortal, cheio de dores, que sofre, envelhece e morre. Ele é realista em afirmar que a beleza e a saúde do corpo um dia acabarão. Mas ele também é claro e específico em afirmar que os que creram em Cristo receberão, na ressurreição, um corpo celestial. Essa realidade produz uma forte esperança porque a fé sempre triunfa sobre tudo o que é terreno e mortal.

Por isso é sábio, sensato e prudente pensar e decidir quanto à vida futura. Cada remédio, cada doença, cada hospital, cada corpo morto, cada caixão, cada cova, cada cemitério expõe a dura e cruel realidade de nossa debilidade e fraqueza física. Estamos dia a dia saindo pouco a pouco desse mundo.

O que fará a diferença? A diferença é se sua fé está ou não em Cristo Jesus. Pois ele mesmo diz em João 14.2,3: “Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se não fosse assim, eu já lhes teria dito. Pois vou preparar um lugar para vocês. E, quando eu for e preparar um lugar, voltarei e os receberei para mim mesmo, para que, onde eu estou, vocês estejam também.”

——————–

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/20632307

O DEUS PRESENTE

No Salmo 139.1-6, o salmista afirma: “Senhor, tu me sondas e me conheces. Sabes quando me sento e quando me levanto; de longe percebes os meus pensamentos. Sabes muito bem quando trabalho e quando descanso; todos os meus caminhos te são bem conhecidos. Antes mesmo que a palavra me chegue à língua, tu já a conheces inteiramente, Senhor. Tu me cercas, por trás e pela frente, e pões a tua mão sobre mim. Tal conhecimento é maravilhoso demais e está além do meu alcance, é tão elevado que não o posso atingir.” Segundo o salmista, Deus tem todo o poder, está em todos os lugares, conhece tudo e é maravilhosamente pessoal.

Deus é presente, compassivo e envolvido em todos os detalhes de quem somos e como estamos. Ele está muito presente nos dias difíceis e ouve quando O buscamos. Salmos 102.17, afirma: “Responderá à oração dos desamparados; as suas súplicas não desprezará.”

Deus, por causa do Senhor Jesus, faz com que Sua presença seja sempre real. Pela obra poderosa do Espírito Santo, Ele se comunica conosco e podemos falar com Ele a qualquer hora, a qualquer momento e sobre tudo e todos.

Sabendo sobre a real presença de Deus, você então precisa busca-Lo. Vá à Ele e conte tudo o que passa no profundo de sua alma. O Senhor mesmo afirma em Jeremias 29.12: “Então vocês clamarão a mim, virão orar a mim, e eu os ouvirei.”

Dr Billly Graham escreveu sobre a presença de Deus em sua vida em momentos difíceis: “A vida cristã não é um constante alto. Eu tenho meus momentos de profundo desânimo. Eu tenho que ir a Deus em oração com lágrimas nos olhos e dizer: ‘Oh Deus, me perdoe’ ou ‘Me ajude’.”

Deus é e está presente. Vá a Ele!

———————–

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/20607931

O PROPÓSITO DAS PROVAÇÕES

Em Tiago 1.2-5 lemos: “Meus irmãos, tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações, sabendo que a provação da vossa fé, uma vez confirmada, produz perseverança. Ora, a perseverança deve ter ação completa, para que sejais perfeitos e íntegros, em nada deficientes. Se, porém, algum de vós necessita de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente sem nada criticar; e lhe será concedida.”

Conforme Tiago, há um propósito nas provações. Deus por sua graça e sabedoria permite as provações para testar a fé; para nos fazer sadios espiritualmente. Agostinho afirmou: “As provações vêm para nos provar e nos melhorar.”

Tiago também ensina que quando as provações chegam devemos nos alegrar. Mas nos alegrar por quê? Porque toda provação traz consigo frutos espirituais. Deus tem sempre um propósito por meio delas.

O principal propósito das provações é a perseverança da fé. Perseverança é a capacidade de permanecer firme diante das lutas.

George Mueller escreveu: “Aprendi que a fé para ser forte precisa aguentar grandes provações. Eu sei que a minha fé é forte porque ela passou por vários testes… Tribulações, obstáculos, dificuldades e às vezes até derrotas, são o próprio alimento da fé.”

É certo que por vezes falta um melhor entendimento sobre as provações. Alguém pode “surtar”, entristecer, desanimar ou se abater quando as provações chegam. Mas Tiago orienta que quando elas vierem deve-se orar por sabedoria; é preciso pedir para que Deus revele Seu propósito e lhe capacite a lidar momento a momento diante das dificuldades.

Por isso, não se chateie e nem se irrite com Deus por causa das provações. Ele as permite porque Ele tem propósitos; Ele quer que você tenha uma fé robusta.

Dê sempre “boas-vindas” às provações!

————————

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/20575359

RECONHEÇA SUA LIMITAÇÃO

Boa parte da sociedade vive em sua própria força, capacidade e habilidade. Orgulhosamente ela não se achega a Deus, não lhe pede por orientação, sabedoria, força e discernimento. Na verdade, ela nem leva isso em conta e acha que depender de Deus é um sinal de fraqueza ou de fanatismo religioso.

Em 1 Pedro 5.5 o apóstolo afirma o seguinte: Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes. Pedro explica claramente que a ação de Deus está disponível apenas aos humildes. Quem são os humildes? São aqueles que reconhecem suas fraquezas e debilidades e se achegam a Deus.  

Devemos nos dispor a reconhecer nossa limitação e buscar a Deus. Devemos buscar por Sua ação e focar nEle como nossa única esperança; esse é o nosso dever.

Enquanto você decidir apoiar-se em si mesmo, você sofrerá. Provérbios 11.2 afirma: “Em vindo a soberba, sobrevém a desonra, mas com os humildes está a sabedoria.” O seu orgulho e capacidade própria lhe impedem de experimentar a verdadeira vida que Deus planejou para você.

Todos aqueles que andam na soberba serão envergonhados, mas os que andam humildemente com Deus encontrarão nEle as soluções para a vida.

Enquanto houver uma fagulha de segurança, esperança, capacidade, força e habilidade em você, Deus nunca agirá. Ele exige exclusividade. Ele é soberano e sabe sempre o que faz. 

Reconheça sua limitação! Entenda que seu orgulho tem destruído sua vida, família, relacionamentos, negócios e tantas outras coisas em sua vida. 

Submeta-se completamente a Deus! Caminhe humildemente com Ele. 

——————–

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/20508420

O PROPÓSITO DA VIDA 

No livro de Eclesiastes, Salomão começou a pesquisar e a escrever sobre os propósitos da vida. Ao fazê-lo ele diz em Eclesiastes 1.14: “Tenho visto tudo o que é feito debaixo do sol; tudo é inútil, é correr atrás do vento!”

Salomão começou sua busca pelos propósitos da vida através do conhecimento e cultura. Apesar de uma educação fantástica, no entanto, ele ainda tinha um grande vazio em sua vida. Ele afirma em Eclesiastes 1.17: “Por isso me esforcei para compreender a sabedoria, bem como a loucura e a insensatez, mas aprendi que isso também é correr atrás do vento.” 

A busca acadêmica não satisfez Salomão, ele então decidiu sair às festas em busca de alegria. Em Eclesiastes 2.2, ele afirma: Concluí que o rir é loucura, e a alegria de nada vale.

Continuando em sua busca de propósitos Salomão tornou-se um conhecedor de vinhos, lançou-se em fazer grandes construções e investimentos, e por fim ficou famoso. Em Eclesiastes 2.11, ele diz: “Contudo, quando avaliei tudo o que as minhas mãos haviam feito e o trabalho que eu tanto me esforçara para realizar, percebi que tudo foi inútil, foi correr atrás do vento; não há nenhum proveito no que se faz debaixo do sol.”

Em Eclesiastes 12.13 Salomão então resume a busca do propósito da vida, dizendo: “Agora que já se ouviu tudo, aqui está a conclusão: Tema a Deus e obedeça aos seus mandamentos, porque isso é o essencial para o homem.” 

Assim sendo, fica a dica: você não precisa desperdiçar sua vida e cometer as mesmas tolices e erros de Salomão. Basta decidir colocar Deus no centro dela, amando-O, temendo-O, obedecendo-O  e servindo-O. Isso porque Salomão mesmo conclui: “…isso é o essencial para o homem.  

——————–

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/20480972

DECIDA ANDAR COM DEUS

Em Gênesis 50, após a morte de Jacó, os irmãos de José o procuraram. Eles estavam conscientes dos erros feito a ele, como também estavam gratos pelo fato deles serem protegidos e muito abençoados por José, o qual se tornara o segundo homem mais poderoso no Egito. Estando conscientes de seus erros, eles pediram que José não só os perdoassem, mas que os tratassem não mais como irmãos, mas como servos. Nos versículos 20 e 21 José responde a eles: “Vocês, na verdade, planejaram o mal contra mim; porém Deus o tornou em bem… Portanto, não tenham medo; eu sustentarei vocês e os seus filhos. E assim José os consolou e lhes falou ao coração.”

José, com certeza, nunca poderia imaginar onde o Senhor o colocaria, não obstante seus irmãos o terem vendido ao Egito e ele ter passado por dores indizíveis. Mas José reagiu bondosamente para com seus irmãos, pelo fato de ter entendido o plano perfeito do Senhor para sua vida. José andava com Deus e isso fez toda a diferença.

Andar com o Senhor significa não atentar para as circunstâncias; significa crer no amor e sabedoria de Deus; significa viver com o coração em paz, na certeza de que o Senhor está em pleno controle do bem e do mal. Andar com Deus significa ser paciente e perseverante nos dias difíceis; significa não dar asas à incredulidade e nem a um coração amargurado, descontente e murmurador.

Assim, diante dos problemas que chegam a você, saiba que Deus está no controle de cada um deles e Ele espera que você ande fielmente para com Ele. Na verdade, Ele sempre o chama para que você confie única e tão somente nEle. 

Decida andar com Deus, independentemente das circunstâncias. 

——————–

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/20451715

VENDO O “INVISÍVEL” 

Em Hebreus 11.27, o autor do livro escreve sobre Moisés, dizendo: “Pela fé, Moisés abandonou o Egito, não ficando amedrontado com a ira do rei, pois permaneceu firme como quem vê aquele que é invisível.” 

Segundo a Bíblia, Deus é totalmente invisível aos sentidos. João 1.18 afirma: “Ninguém jamais viu a Deus...” Ele não pode ser visto porque Jesus afirmou em João 4.24: “Deus é Espírito.” Assim, os órgãos dos sentidos não têm capacidade de ver e perceber a Deus.  

Se Deus não pode ser visto e os sentidos humano não podem alcançá-Lo, como então pode se ver Aquele que é invisível? Os sentidos do homem não podem ver a Deus, mas a alma pode. Jesus afirmou em Mateus 5.8: “ Felizes os limpos de coração, porque verão a Deus.”  

O “coração puro” é o órgão pelo qual o invisível pode ser visto. O “coração”, o interior do homem, quando purificado pela fé, capacita-o a ver a Deus. Pela fé há consciência da presença de Deus. Quando qualquer um tem seu coração purificado pela fé, Deus será visto.

Quando a visão de Deus é real você está seguro e não precisa temer nada e ninguém. De Moisés é dito que “..abandonou o Egito, não ficando amedrontado com a ira do rei, pois permaneceu firme…”

A “visão” de Deus é uma força motriz que lhe inspira a lidar com todas as questões da vida com paciência, enquanto sua alma se mantém inspirada e perseverante quando tudo lhe parecer insuportável, porque a consciência da presença de Deus lhe confere coragem ao coração e vontade e energia para lidar com qualquer problema da vida.

“Ver Aquele que é invisível” lhe conduz a uma real convicção de Sua presença e faz com que seu caráter e conduta cresçam em pureza, poder, piedade e utilidade.

——————–

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/20434454