ERRANDO AO ORAR

Tiago 4.2-3 declara: “…Não têm, porque não pedem. Quando pedem, não recebem, pois pedem por motivos errados, para gastar em seus prazeres.” No texto, Tiago diz que primeiramente erramos na oração por um problema básico e simples: não oramos! Habituamo-nos a não ir ao Pai diante de nossas necessidades e desejos. O problema básico porque não oramos está ligado ao orgulho; a autossuficiência. Autossuficiência é o pecado de dirigir a vida sem consultar a plena vontade do Pai. A autossuficiência sempre nos leva a procuramos soluções em nós mesmos, depois nos outros, nas circunstâncias e não primeiro e diretamente ao Pai.

Tiago nos diz que erramos na oração quando não pedimos, mas erramos também por pedirmos mal, focando nossas orações em prazeres egoístas e carnais. O Pai nunca responderá orações que aumentarão nosso egoísmo. Ele nunca responderá orações que nos farão mais cheios de nós ou que promoverá intrigas, contendas, invejas, ou ainda, que nos tirarão da plena dependência dEle. O Pai não responde orações centradas no eu.

Em Mateus 7.7, o Senhor Jesus nos deu uma grande promessa sobre a oração: “Peçam, e será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta será aberta.” No Salmo 34.4 o Salmista nos inspira quando diz: “Busquei o SENHOR, e ele me acolheu; livrou-me de todos os meus temores.” Assim, o problema das respostas às orações nunca está no poder do Pai, mas em nosso erro ao orar.

Por isso, para orar corretamente e ter suas orações atendidas, confesse agora ao Senhor o seu pecado de orgulho e egoísmo, e ore com humildade, dependendo dEle e centrado em Sua plena vontade.

————————————————————

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/48367483

ENTREGUE TUDO NAS MÃOS DO SENHOR JESUS

Em 1 Pedro 5.7, o apóstolo encoraja os cristãos que estavam em forte perseguição, dizendo: “Lançando sobre Ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós.”

Pedro ensina no texto qual deve ser a nossa postura diante da ansiedade. O simples segredo é aprender a entregar nas mãos do Senhor Jesus tudo o que cansa, pesa, aflige, desespera, desanima ou causa preocupação.

O problema pelo qual não entregamos tudo nas mãos do Senhor Jesus é porque de alguma forma acreditamos que somos fortes. Entregar as lutas nas mãos do Senhor Jesus parece ser uma demonstração de fraqueza, e parecer fraco pode socialmente denegrir a nossa imagem.

Mas você mesmo sabe que tem pouquíssimo controle sobre si mesmo, os outros e as realidades da vida. O Senhor Jesus disse que você não controla nem mesmo o cabelo que cai da sua cabeça. Se você não pode controlar o simples cair de um cabelo, pense no cansaço em tentar controlar a ação e reação das pessoas, a doença, a realidade da morte, etc. O orgulho não permite que você veja ou admita a fraqueza; a falta de controle.

O Senhor Jesus antes de morrer pelos nossos pecados na cruz, orou em Lucas 23.46: “…Pai, nas tuas mãos entrego o meu espírito…” Aquele que entregou ao Pai o seu dia a dia, agora entrega de vez, em oração, sua própria vida.

Por isso, faça como o Senhor Jesus: entregue tudo! Peça a Ele por sabedoria, força, direção, paz e calma em sua alma.

Aprenda a entregar tudo nas mãos do Senhor Jesus.

————————————————————

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/48345908

O QUE SIGNIFICA CONFIAR NO SENHOR?

Somos todos tendentes a confiar em nós mesmos, em nossas habilidades, instrução, cultura, experiências, oportunidades, direitos, parentes, amigos, políticos, médicos, patrões, posses, dinheiro, bens, etc. A lista é imensa. Mas no Salmos 22.4,5 somos advertidos: “Nossos pais confiaram em ti; confiaram, e os livraste. A ti clamaram e se livraram; confiaram em ti e não foram confundidos.”

Confiar no Senhor significa mais do que acreditar em quem Ele é e o que Ele pode fazer. Confiar no Senhor significa colocar nEle toda a esperança e expectativa de que somente Ele pode fazer o que desejamos e precisamos. Provérbios 3.5 afirma: “Confie no Senhor de todo o seu coração e não se apoie em seu próprio entendimento.”

Confiar no Senhor também significa reconhecê-lo em tudo, colocando todas as garantias nele. O Salmos 56.3,4 afirma: “Em me vindo o temor, hei de confiar em ti. Em Deus, cuja palavra eu exalto, neste Deus ponho a minha confiança e nada temerei. Que me pode fazer um mortal?” Brad Archer disse: “Todo nosso conhecimento, sabedoria e vontade devem estar saturados na garantia da ação do Senhor.”

Na verdade, aquilo em quem ou em que você confia, diz onde realmente está o seu coração, e onde estiver o seu coração ali estará sua esperança e onde estiver sua esperança, ali estará sua adoração.

Talvez hoje você se sinta frustrado, desencorajado, desanimado ou deprimido porque depositou sua confiança em algo ou em alguém errado. Mas hoje você pode mudar sua história, depositando sua confiança somente no Senhor. O Salmos 118.8,9 lhe encoraja, dizendo: “Melhor é buscar refúgio no SENHOR do que confiar no homem. Melhor é buscar refúgio no SENHOR do que confiar em príncipes.”

Não confie em nada e nem em ninguém. Decida confiar plenamente no Senhor.

———————————————————-

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/48338044

MUDANDO SUAS ATITUDES

Nada muda enquanto não houver mudanças de atitudes. Vida diferente inclui atitudes diferentes. Atitudes são o resultado direto de uma mudança de pensamentos, pois pensamentos afetam as atitudes, as atitudes modelam os hábitos e os hábitos determinam as ações.

Para mudar suas atitudes, em primeiro lugar, busque ao Senhor prioritariamente. O Senhor Jesus afirmou em Mateus 6.33: “Buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” Jesus veio ao mundo para nos trazer de volta ao Pai. Somos apenas os seres humanos que o Pai intencionou, quando nos voltamos a Ele. Priorize o Senhor! Esse é o seu dever diante dEle.

Para mudar suas atitudes, em segundo lugar, valorize seus relacionamentos. Ame as pessoas! Paulo afirmou em Romanos 13.9: “…se há qualquer outro mandamento, tudo nesta palavra se resume: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.” Nascemos e morreremos com pessoas ao nosso redor. Por isso, valorize mais seu cônjuge, seus filhos, seus pais, seus parentes, seus amigos e colegas. Invista seu tempo, bens e recursos em pessoas. Valorize seus relacionamentos!

Para mudar suas atitudes, em terceiro lugar, seja sério com sua vida! Provérbios 27.12 afirma que “o prudente vê o mal e esconde-se.…” Há coisas na vida que só dependem de você. Muita gente sofre hoje por nunca ter levado certas áreas de sua vida mais a sério.

Nada muda até que as atitudes mudem. Por isso mude hoje suas atitudes para com Deus, com os outros e para consigo mesmo.

————————————————————

https://www.spreaker.com/episode/48324576

ALEGRE-SE NO SENHOR

Em Habacuque 3.17,18, o profeta afirmou: “Ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na videira; ainda que a colheita da oliveira decepcione, e os campos não produzam mantimento; ainda que as ovelhas desapareçam do aprisco, e nos currais não haja mais gado, mesmo assim eu me alegro no Senhor, e exulto no Deus da minha salvação”.

Habacuque, numa antevisão, viu os campos da Judeia totalmente devastados devido à futura invasão do exército babilônico. Em meio a essa tragédia e perda quase total, Habacuque decidiu alegrar-se no Senhor. Habacuque sabia que Deus é Todo-Poderoso e nada pode apagar, diminuir ou enfraquecer Seu poder ou frustrar Seus planos e propósitos.

Às vezes, você pode pensar: “Se Deus é tão grande e poderoso, por que eu estou passando por esse momento tão difícil?” Habacuque responderia que sua pergunta e atitude estão erradas. Em vez disso, ele diria: “Sabendo que o Senhor é grande e poderoso; suas circunstâncias desoladoras vieram a você ou porque você merece, devido aos seus insistentes pecados ou porque o Senhor tem algo melhor e precisa remover entulhos espirituais em sua vida. Assim, sabendo quem Ele é e o que faz, alegre-se nEle e O louve”.

Quando Jó perdeu tudo ─ os filhos, bens e saúde – sua atitude e palavras demonstraram o quanto ele conhecia Deus e confiava nEle. Ele diz, em Jó 1.21: “Nu saí do ventre de minha mãe e nu voltarei. O Senhor o deu e o Senhor o tomou; bendito seja o nome do Senhor!” Dentro de uma fétida prisão em Roma, com todo o tipo de sofrimento, Paulo, em Filipenses 4.4, escreve a toda a igreja de Filipos, ordenando: “Alegrem-se sempre no Senhor; outra vez digo: alegrem-se!”

Decida alegrar-se no Senhor Jesus e jamais permita que sua alegria seja dirigida pelo que você acha, pensa e sente, ou por outras pessoas, ou ainda pelas circunstâncias.

————————————————————

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/48286933

DEUS ESTÁ SEMPRE PRESENTE

No Salmos 139.1-6, o salmista afirma: “Senhor, tu me sondas e me conheces. Sabes quando me sento e quando me levanto; de longe percebes os meus pensamentos. Sabes muito bem quando trabalho e quando descanso; todos os meus caminhos te são bem conhecidos. Antes mesmo que a palavra me chegue à língua, tu já a conheces inteiramente, Senhor. Tu me cercas, por trás e pela frente, e pões a tua mão sobre mim. Tal conhecimento é maravilhoso demais e está além do meu alcance, é tão elevado que não o posso atingir.” Segundo o salmista, Deus é maravilhosamente pessoal, conhece tudo, tem todo o poder, e está presente.

Deus é presente, compassivo e envolvido em todos os detalhes de quem somos e como estamos. Ele está muito presente nos dias difíceis e ouve quando O buscamos. O Salmos 102.17, afirma: “Responderá à oração dos desamparados; as suas súplicas não desprezará.”

Deus – por causa do Senhor Jesus – faz com que Sua presença seja sempre real. Pela obra poderosa do Espírito Santo, Ele se comunica conosco e podemos falar com Ele a qualquer hora, a qualquer momento e sobre tudo e todos.

Sabendo sobre a presença de Deus, você precisa buscá-lo. Vá a Ele e conte tudo o que passa em sua alma. O Senhor mesmo afirma em Jeremias 29.12: “Então vocês clamarão a mim, virão orar a mim, e eu os ouvirei.”

Deus está sempre presente. Por isso, vá a Ele.

Billly Graham escreveu sobre a presença de Deus em sua vida em momentos difíceis: “…Eu tenho meus momentos de profundo desânimo. Eu tenho que ir a Deus em oração com lágrimas nos olhos e dizer: ‘Oh Deus, me perdoe’ ou ‘Me ajude’.”

————————————————————-

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/48275125

FAZENDO O BEM

Em Atos 10.38, temos um pequeno resumo da vida, ministério e atitude de Jesus numa curta frase: “… Ele andou por toda parte fazendo o bem…” O professor e comentarista Barnes, escreveu sobre esse versículo, dizendo: “Ele (Jesus) não buscou aplausos, riquezas, conforto ou facilidade, mas difundiu a felicidade o mais longe possível. Esse é o registro simples, mas sublime de sua vida. Dá-nos um retrato distinto de seu caráter, pois ele se distingue dos conquistadores e reis, dos falsos profetas e da massa do povo.”

Os quatro Evangelhos revelam claramente que Jesus fez o bem às pessoas, tanto aos seus corpos, curando todas as espécies de doenças, como às suas almas, pregando-lhes o Evangelho e chamando-as ao arrependimento de seus pecados. Jesus fez o bem porque Ele era essencialmente e naturalmente bom; pois sendo Deus em natureza humana, nEle não havia qualquer disposição para o mal. Seus pensamentos, desejos, interesses, propósitos e vontade, eram centrados para o bem.

No padrão, na força e para glória e honra de Jesus, todos nós devemos fazer o bem. Contudo, jamais devemos fazer o bem aos outros, com o fim de recebermos qualquer benefício ou graça, especial diante de Deus. Na verdade, segundo a Bíblia, essa atitude é inútil, pois Efésios 2.8,9 declara: “Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie.”

O princípio é simples: você precisa primeiramente crer e confiar sua vida totalmente a Jesus como seu Senhor e Salvador, e depois, viver com Ele, por Ele e para Ele, fazendo o bem a todos, incluindo familiares, parentes, vizinhos, amigos, conhecidos, desconhecidos, qualquer necessitado, estrangeiros e até mesmo aqueles que declaram ser seu inimigo.

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/48251782

UM BOM SONO

Um bom sono tornou-se em nossos dias, um produto de consumo. Muitos sofrem prejuízos físicos, relacionais e econômicos pela insônia. Há diversos fatores que prejudicam o sono, mas há também certos comportamentos e atitudes que estimulam a insônia, dentre elas a preocupação e a ansiedade. Alguns infelizmente estabelecem o péssimo hábito de ocupar-se previamente com assuntos e problemas aos quais não tem nenhum controle.

Diante de seus incontroláveis problemas e dilemas, Davi afirmou no Salmo 3.5: “Eu me deito e pego no sono; acordo, porque o Senhor me sustenta.” Quando escreveu o Salmo 3, Davi vivia na possibilidade de perder o seu reino e ser morto pelo seu próprio filho, Absalão. Enquanto seus inimigos se organizavam para tentar destruí-lo, Davi decidiu confiar plenamente no Senhor, entregando a Ele o seu presente e futuro. Numa ousada confiança em Deus, Davi não permitiu que os perigos imensos que ele vivia interferissem em seu sono. Quando o amanhã chegou, depois de um sono tranquilo e revigorante, vendo que o Senhor o havia sustentado, Ele sentiu-se fortalecido fisicamente pelo Senhor para lidar com mais um dia de lutas.

Assim, antes de sair desesperadamente à busca de um tratamento clínico para seu sono, reflita se sua insônia não é advinda do hábito constante e inútil de se preocupar com pessoas, circunstâncias e situações as quais você não tem nenhum controle.

Se Davi – rodeado de indizíveis e grandes problemas, entregou tudo ao Senhor e foi capaz de dormir e ser restaurado, faça você o mesmo! Entregue tudo ao Senhor Jesus, pois, conforme Marcos 4.38, Ele também teve um bom sono por ter confiado sua vida ao Pai.

Confiando no controle e providência do Pai, ao ir para cama, coloque em suas mãos tudo o que passa em seus pensamentos, e peça a Ele que dê a você um bom sono.

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/48242243

A PROTEÇÃO DE DEUS

Em Gênesis 15.1, Deus veio a Abrão e disse: “Não tenha medo, Abrão, eu sou o seu escudo…”

Quando Deus falou essa palavra a Abrão, ele havia passado no capítulo 14, por uma única experiência em sua vida em que foi levado a recorrer às armas para defender seu sobrinho Ló contra uma liga superior de reis do norte, os quais ele miraculosamente derrotou. Essa vitória contra esses reis superiores tornou-se uma garantia concreta de que um dia sua descendência possuiria a terra que Deus havia prometido. Mas ao contemplar as bênçãos de Deus no passado, enxergando também a real situação no presente, Abrão olhou com ansiedade para o futuro e sentiu medo. E nessa circunstância, o Senhor se apresentou como sua proteção e segurança, dizendo: “Não tenha medo, Abrão, eu sou o seu escudo…”

As palavras de Deus a Abrão são também para todo o Seu povo, ainda hoje. Diante das dúvidas, preocupações e inquietações da vida; quando nossos pensamentos nos levam para um futuro incerto, devemos também aprender a nos refugiar na proteção que o Senhor oferece e ouvir constantemente Sua voz segura que diz: “Não tenha medo… eu sou o seu escudo.”

O relacionamento pessoal com Deus é o que faz toda a diferença para você lidar com as inseguranças da vida. Sua esperança e confiança precisam estar no Senhor. Você precisa eleger Deus como o seu Deus forte diante de suas incertezas. O Salmo 33.20 afirma: “Nossa esperança está no Senhor; ele é o nosso auxílio e a nossa proteção.”

Muitas coisas mudarão em sua vida quando você decidir escolher confiar na proteção do Senhor ao invés de seus medos. Tudo mudará em sua vida quando você acolher somente a voz de Deus, que diz: “Não tenha medo… eu sou o seu escudo.”

————————————————————

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/48226733

ABRIGADO EM DEUS

O Salmo 46.1 afirma: “Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente nas tribulações”. A Bíblia está repleta de referências afirmando que Deus é o abrigo seguro do Seu povo diante das lutas da vida.

Nesse Salmo, o salmista faz uma transformadora declaração: “Deus é o nosso refúgio”. É uma declaração pequena e simples, mas potente. Mas essa declaração tira nossos olhos de qualquer problema para que eles estejam em quem o Senhor é e no que Ele pode fazer.

O tempo de pandemia nos traz um falso sentimento de que nunca mais haverá um momento de folga, calma e paz. Mas diante desse deserto em nossas vidas, devemos aproximar-nos mais de Deus, fazendo dEle nosso abrigo seguro.

O que significa abrigar-se em Deus? Significa elegê-Lo como a única segurança da vida, pois NEle há o verdadeiro refúgio. NEle há a verdadeira proteção ante os desertos e tempestades da vida.

A sua tendência diante dos problemas nunca é primeiramente abrigar-se em Deus. Na verdade, você tenta primeiro abrigar-se em situações, oportunidades, circunstâncias, em si mesmo, em sua família, amigos, profissionais, trabalho, entretenimento ou qualquer outra coisa, para depois você ser convencido de que seus próprios abrigos são inadequados e não podem lhe fornecer a proteção que você desejava.

Por isso, abrigue-se em Deus! NEle você está realmente protegido. NEle você encontra abrigo contra os perigos e todos os medos. NEle estão as respostas para seus pequenos ou grandes problemas.

Decida agora abrigar-se somente no Senhor e fazer dEle o seu refúgio, fortaleza e socorro.

————————————————————-

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/48192002