O CONHECIMENTO DE DEUS

O personagem principal da Bíblia é Deus. O maior mandamento da Bíblia é amar a Deus. O mais alto privilégio e a mais alta oportunidade na vida é conhecer a Deus.

Charles H. Spurgeon disse: “O estudo apropriado ao cristão é a divindade. A mais alta ciência, a mais elevada especulação, a mais poderosa filosofia que possa prender a atenção de um filho de Deus é o nome, a natureza, a pessoa, a obra, as ações e a existência do grande Deus…Nada é melhor para o desenvolvimento da mente que contemplar a divindade…Aquele que pensa com frequência em Deus terá a mente mais aberta…”

Somos limitados e não podemos conhecer completamente a Deus. Paulo mesmo reconheceu isso ao declarar em Romanos 11.33: “Ó profundidade da riqueza, tanto da sabedoria, como do conhecimento de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos e quão inescrutáveis os seus caminhos!” Mas nossa limitação não nos impede de conhecê-Lo, pois também o próprio Paulo afirmou em Atos 17.27,28: “para buscarem a Deus se, porventura, tateando, o possam achar, bem que não está longe de cada um de nós; pois nele vivemos, e nos movemos, e existimos…”

Tudo o que precisamos saber de Deus nos está revelado em Sua Palavra, a Bíblia. Por ela, entenderemos Jesus, Seu Filho amado, por quem podemos conhece-Lo. Ele mesmo disse em João 17.3: “E a vida eterna é esta: que te conheçam a ti, o único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.”

Por isso, abra sua mente e coração para conhecer a Deus. Leia a Bíblia! Nela, o próprio Deus se revelará a você e sua vida não será a mesma.

Quem estuda e pensa em Deus adquiri a verdadeira forma de pensar e viver.

——————–

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/16739206

NÃO CEDA AO DESÂNIMO

É necessário lidar com as lutas da vida e não ceder ao desânimo que elas provocam. Davi diante de suas dores e problemas afirmou no Salmo 23.4: “Eu não temerei mal algum porque Tu estás comigo.”

Diante das lutas que tentam lhe desanimar, Deus promete Seu poder e Sua presença em sua vida. Quando você tem a Jesus, você precisa crer que nunca estará sozinho nos dias difíceis da vida.

Por exemplo, nas últimas 12 horas de Jesus, Ele fez uma escolha: Ele escolheu não centrar em Si, não parar sua vida, não se amedrontar e não ceder ao desânimo. Ele ignorou completamente o desespero. Ele decidiu fazer a vontade do Pai e confiar nEle. Ele sabia que não estaria sozinho.

Em seu sofrimento, Jesus poderia ter chamado por mais de 10 mil anjos a seu favor, ou ainda, antes poderia ter treinado seus discípulos a fazer uso das armas. Mas ao invés disso, Ele confiou plenamente em Deus para O proteger e orientá-Lo.

Assim, no meio do seu sofrimento, não ceda ao desânimo. Confie na proteção e orientação de Deus. Todos passaremos por momentos duros e difíceis na vida. A diferença não é a ausência dos problemas, mas a certeza da presença de Deus.

Quando a dor e o desânimo chegarem, vá para a pessoa certa; vá para Jesus. Ele sabe o que é a dor e o sofrimento. Só Ele pode lhe orientar e capacitar a enfrentar o desânimo. Ele é a luz que você precisa no meio da mais densa escuridão. Ele é o “Bom Pastor” que lhe guiará.

Não ceda ao desânimo simplesmente porque os problemas chegaram. Vá a Jesus! Entregue tudo a Ele! Confie nEle! Siga adiante!

Alan Redpath afirmou: “Todo desânimo nos é permitido, para que através dele possamos nos lançar aos pés do Salvador.”

———————

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/16728010

UM CORAÇÃO HONESTO

Muitos fazem da desonestidade e da mentira o seu lema e por isso colhem tragédias em sua vida pessoal, espiritual, social e relacional.

Pesquisas revelam que 20% das pessoas mentiriam para ganhar mais dinheiro; 25% mentiriam para poder manter a aparência; 30% mentiriam no preenchimento do formulário de emprego; 46% conhecem um amigo(a) que já enganou e mentiu para o cônjuge; 51% disseram que as pessoas não são hoje mais honestas do que eram há dez anos; 60% disseram que mentiriam para se livrar de uma situação embaraçosa.

Diante dessa realidade estatística, não é de se admirar que tantas pessoas estão enfrentado problemas sérios em suas vidas; especialmente em seus relacionamentos.

Jamais pode-se dizer que há êxito numa vida quando em seu alicerce a verdade e a honestidade não são componentes imprescindíveis. Zig Ziglar afirmou: “As pedras fundamentais para um sucesso equilibrado são honestidade, caráter, integridade, fé, amor e lealdade.”

Relacionamentos estáveis só podem ser mantidos com base na verdade e honestidade. A Bíblia ensina em 1 Coríntios 13.6: “…o amor se alegra com a verdade.” Paulo também declarou em Efésios 4.15: “Mas, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo.”

Sua segurança relacional deve ser baseada na transparência e honestidade. Você precisa aprender a falar e viver a verdade. Todas as excelentes relações são construídas baseadas em confiança. Construir confiança vem por ser honesto e falar a verdade. Confiança e verdade andam juntas.

Se você quiser relacionamentos seguros e consistentes, você precisa optar pela verdade. A verdade pode doer, mas ela é benéfica e libertadora.

Por isso, valorize seus relacionamentos sendo amorosamente transparente e honesto; falando e vivendo a verdade. A. W. Pink afirmou: “Um coração honesto ama a verdade.”

——————–

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/16719540

HUMILHE-SE

Jesus afirmou em Mateus 23.12: “Quem a si mesmo se exaltar será humilhado; e quem a si mesmo se humilhar será exaltado.”

O verbo “humilhar”, que aparece por duas vezes no versículo, ocorre também cerca de onze vezes em todo o Novo Testamento e significa: “tornar-se baixo, rebaixar, ter uma opinião modesta de si mesmo e destituir-se de qualquer arrogância”.

Jesus fez uso desse texto para combater a postura arrogante dos líderes espirituais de Israel de sua época, enquanto também ensinava a forma como seus discípulos deveriam viver.

O propósito de Deus revelado em Sua Palavra é que sejamos humildes diante dEle. A verdade ensinada é que ninguém poderá desfrutar o melhor da vida sem um coração humilde para com o Senhor. As bênçãos do Senhor estão preparadas para aqueles que se humilham.

Um dos nossos problemas é que não estamos dispostos a nos humilhar; não estamos dispostos a desistir de nossas opiniões sobre a forma como as coisas devem ser feitas.

Deus deseja que você se submeta a Ele. Ele espera que você abandone todo o orgulho e arrogância. Alguém afirmou: “Nunca um homem está tão longe de Deus, como quando em estado de soberba, como também está tão próximo, como quando em atitude de humilhação.”

Deus não agirá em sua vida sem que você se humilhe e se quebrante diante dEle. Ele espera que você se humilhe. O Salmos 138.6 afirma: “O SENHOR é excelso, contudo, atenta para os humildes…” Muito Ele tem para fazer em você, mas Ele espera que você se humilhe diante dEle.

A. B. Simpson declarou: “Deus não está procurando por personagens extraordinários como Seus instrumentos, mas está procurando instrumentos humildes através dos quais Ele possa ser honrado.”

——————–

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/16708469

UM CORAÇÃO RENDIDO

Em João 4 a mulher samaritana entregou o seu coração a relacionamentos passageiros, mas Jesus lhe ofereceu um relacionamento eterno com o Pai. Em João 4.13,14 Jesus diz: “…Todo o que beber desta água tornará a ter sede; mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede; pelo contrário, a água que eu lhe der se fará nele uma fonte de água que jorre para a vida eterna.”

Em Mateus 19 o jovem rico entregou o seu coração às riquezas. Ele desejava a vida eterna, mas não estava disposto a abandonar o que lhe prendia: os bens terrenos, sua autojustiça, sua religiosidade e seu orgulho. Ao ouvir de Jesus que deveria vender tudo o que tinha e solidarizar-se com os pobres, e então, vir e seguir a Jesus, ele entristeceu-se. Ele não tinha um coração aberto e receptivo aos outros e nem a Jesus. Ele possuía riquezas e as riquezas o possuíam.

Em Lucas 7 uma mulher entregou seu coração a Jesus e se derramou aos Seus pés. Ao chorar ela lidou com seu pecado, com seu passado, com seu orgulho e com suas vaidades. Ela quebrantou-se em arrependimento. Ela entregou tudo o que lhe trazia morte e recebeu de Jesus a vida.

Ao entregar o seu coração a Jesus, em pleno arrependimento da vida que está levando, e se converter plenamente a Deus, então você receberá dEle a vida que procura. Deus não quer seu sacrifício; Ele quer você. O Salmos 51.17 afirma: “O sacrifício aceitável a Deus é o espírito quebrantado; ao coração quebrantado e contrito não desprezarás, ó Deus.”

Se você entendeu essas verdades, entregue o seu coração hoje a Jesus. Alan Redpath acertou ao dizer: “A condição de uma mente esclarecida é um coração rendido.”

———————-

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/16700136

A PAZ DESEJADA

Vivemos num mundo cheio de mágoa, ódio, rancor e ressentimento. Há guerras por todos os lados. Todos estão em busca de paz.

Para muitos a paz desejada pode ser definida quando tudo está sob controle. Assim, quando as circunstâncias incontroláveis aparecem: um trânsito pesado, um bebê que não vem, uma restituição do IR que não chega; quando não se vê mudanças no cônjuge, no filho, no patrão, no governo, etc., a paz vai embora.

Para outros, a paz desejada significa ausência de problemas. Assim, quando se depara com problemas inexplicáveis, quando se percebe que a vida nem sempre é justa, não pode ser entendida e nem acaba com um final feliz, o que resta no final é tristeza, ansiedade, frustração e muitas perguntas sem respostas.

Por causa de tudo isso, é preciso então cultivar uma paz interna que não depende de circunstâncias, pessoas ou problemas. Jesus afirmou em João 14.27: “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como a dá o mundo…”

Deus oferece em Jesus a paz desejada. Ela não é algo que você mereça, trabalhe para obter ou implora a Deus. Ela é um presente que Deus lhe dá quando você recebe a Jesus como seu Senhor e Salvador.

A paz desejada não tem nada a ver com ter mais. Ela não vem pela busca em ser alguém nessa vida ou em circunstâncias favoráveis. A paz desejada é um presente de Deus e você a recebe dEle para lidar com todas as realidades da sua vida.

A paz desejada descansa no fato de que Deus nos ama e por causa do Seu amor nos mantemos seguros, independentemente das circunstâncias.

A paz desejada está disponível hoje a você. Creia em Jesus, o “Príncipe da Paz”, e a receba dEle agora.

———————-

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/16681312

FELICIDADE EM DEUS

Queremos ser felizes. Sem alegria a vida é muito cansativa e opressiva. O primeiro sermão de Jesus (Mateus 5) foi sobre a felicidade e ele explicou e aplicou verdades da felicidade em Deus.

Em Filipenses 3.1, Paulo ordena: “Alegrai-vos no Senhor…” Na carta de Filipenses a palavra “alegria” é usada cerca de 16 vezes. É importante lembrar que Paulo quando escreveu a carta ele não estava de férias nas ilhas gregas, mas preso em Roma. Seus dias eram difíceis e sombrios.

O problema é que basicamente atrelamos nossa felicidade à circunstâncias e pessoas. Quando circunstâncias não estão bem, nossa alegria vai embora. Quando pessoas nos decepcionam, a felicidade se esvai. Por que? Porque o alicerce da felicidade está errado; não está em Deus.

O que significa felicidade em Deus? Significa agarrar com firmeza na crença simples de que Deus está no controle de pessoas e circunstâncias; significa que nada está à deriva, e que por onde você for, com quem se encontrar, o que fizer, Deus estará controlando e cuidando de tudo para seu bem. A visão de Deus deve determinar a sua felicidade.

O amor, a sabedoria, a direção e o cuidado de Deus nunca acabam. Por isso você pode seguir sua vida feliz, seguro e sem temer mal algum. Há sempre razão, significado, propósito e felicidade em Deus. Por causa de Deus, você então pode manter sua felicidade ainda que tudo não esteja supostamente bem ou ajustado como você gostaria.

Felicidade é o resultado de viver na ótica de Deus. Felicidade em Deus significa manter a vida em fina sintonia com Ele e Seus propósitos. Blaise Pascal afirmou: “A felicidade não está dentro de nós; ela está em Deus.”

A equação é muito simples: Felicidade em Deus é tudo o que você precisa para ser verdadeiramente feliz.

———————

Para ouvir esse conteúdo click no link abaixo:

https://www.spreaker.com/episode/16670832