VIVENDO SEM O CONTROLE

VIVENDO SEM O CONTROLE

De repente, por causa de um simples exame de rotina, as circunstâncias mudam pra sempre na vida de alguém. 
 Você está ali na frente do médico e o rosto dele não é o mesmo de outras vezes; o resultado do exame não é nada bom. Por vezes, uma viagem que estava programada há tempo, não ocorre. Ou ainda, tudo pode está indo bem na viagem até que um acidente provoca uma tragédia.

Circunstância alguma está sob nosso controle; somos limitados; tudo pode mudar num instante; não podemos controlar o que acontece ao nosso redor. Não temos também como controlar o que as pessoas pensam, o que dizem ou fazem. Não podemos controlar nada.

A vida e o ministério do apóstolo Paulo são marcados por adversidades incontroláveis. Por estar fazendo o que o Senhor Jesus o comissionou a fazer, por vezes ele se envolvia em circunstâncias onde ele não tinha qualquer controle. Por exemplo, em Atos 16, após pregar o Evangelho em Filipos, expulsando o espírito de adivinhação de uma moça, ele foi açoitado e preso. Estando preso, ao invés de reclamar ou desesperar, o versículo 25 afirma: “E, perto da meia-noite, Paulo e Silas oravam e cantavam hinos a Deus, e os outros presos os escutavam.”

Paulo sabia que enquanto ele não tinha controle algum sobre o que lhe aconteceria, contudo Deus o tinha. Paulo, com certeza sabia a verdade do Salmos 30.5: “…O choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.”
Quem vive como Paulo, sem controlar a vida, aprende a confiar no controle soberano de Deus e descansa de que Ele sempre tem uma plano maior e melhor. E é por isso, que quando Paulo estava preso em Roma afirmou em Filipenses 1.12: “Quero que saibam que aquilo que me aconteceu tem, ao contrario, servido para o progresso do evangelho.”

Assim, quando você aprende como Paulo a não viver controlando nem sua vida, nem as circunstâncias dela e nem pessoas, esteja certo que você extirpará não só a ansiedade como crescerá num profundo senso de confiança em Deus. E os que confiam em Deus serão os melhores adoradores, a exemplo de Paulo.

Jerry Bridges afirmou: “Nenhum detalhe de sua vida é demasiado insignificante para a atenção do Pai celestial. Nenhuma circunstância é tão grande que Ele não possa controlá-la”

Não tema viver sem controle. Apenas assegure que o Senhor está no controle total de sua vida. E Se Ele estiver lá, apenas confie e descanse.