ORE!

ORE!

Provérbios 3.6 nos ensina: “Reconhece-O em todos os teus caminhos, e Ele endireitará as tuas veredas.”

Infelizmente muitos oram pouco ou não oram nada. Se questionados sobre o problema talvez muitos diriam que seria por falta de tempo, falta de palavras ou falta de “espiritualidade”.

A ausência de oração na vida é algo sintomático do que simplesmente a “falta” de alguma coisa. Na verdade oramos pouco ou nada por causa da nossa autossuficiência e da falta gritante da dependência de Deus.

Achamos que podemos lidar bem com a vida sem Ele. Por uma lógica até dizemos: “porque incomodar Deus com a minha vida; Ele já tem muitos problemas no mundo para lidar.” As palavras até soam com certa “humildade” e “sabedoria”, mas na verdade elas transbordam mesmo de autossuficiência.

É Deus que nos ordena a colocar “todas” as coisas diante dEle. “Toda” é uma palavra abrangente e inclusiva. “Todas” são “todas”.

Deus não está tão ocupado com o mundo aponto de desinteressar pelos pequenos ou grandes dilemas de nossas vidas.
Deus não é um objeto da religião; Deus é uma pessoa com quem nos relacionarmos. E orar não é um recurso para os “fracos”, mas é uma oportunidade para estreitar uma maior amizade e intimidade com Ele.

Orar significa colocar diante de Deus tudo o que está no coração. Orar é expor toda alegria, dor, felicidade, desapontamento, frustração, ânimo, desânimo e seja lá o que for, usando palavras ou não

Orar não significa pressionar Deus para que seja feito do jeito e da forma que queremos. Orar não é “decretar” a Deus o que Ele deve fazer. Orar não é tentar manipular Deus com Sua Palavra, como que dizendo: “Te peguei…está aqui na Bíblia…tem que ser feito porque o Senhor prometeu…”. Orar também não significa falar frases sem sentido.

Orar não deve começar conosco, mas com Ele. Jesus ensinou: “Vós orareis assim: Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o TEU nome; venha o TEU reino, seja feito a TUA vontade…”

O que vale mesmo diante do Senhor é deflagrar e abortar a nossa hipócrita autossuficiência e ir ao encontro de uma total, plena e irrestrita dependência dEle. Isso sim, O agrada.

O princípio é simples: Ore! Mas ore certo!

2 comentários em “ORE!

  1. Olá Pastor Roberto, bom dia.
    Um dos meus projetos de 2015 é orar por todos de nosso cadastro.
    Compartilho diariamente com um grupo de intercessores uma pessoa da lista e coincidentemente o seu post de hoje é sobre oração.
    Gostaria de saber um motivo especifico para orar por você.
    Tenha um dia abençoado.
    João Rodrigues
    Seminário Digital

  2. Olá Pastor Roberto. bom dia.

    Quando algo está errado com nosso celular, ficamos como que “ilhados”, em alguns casos, dependendo do momento e necessidade, ficamos tensos, foge o chão de sob nossos pés e iniciamos uma saga, urgentíssima para reparar o aparelho.

    Deixar de orar é muito pior, pois deixamos de falar não só com um amigo, mas com AQUELE que pode todas as coisas, inclusive nos orientar, através do SEU ESPIRITO SANTO e nos indicar novos caminhos, PODE também nos devolver a alegria, PODE também nos dar livramentos, enfim ELE PODE TUDO, ELE É O EL SHADAI.

    Para concertar um celular, precisamos recorrer a uma “sempre morosa” assistência técnica, mas para restaurar nosso relacionamento com DEUS, tudo que precisamos e nos arrepender de tê-lo esquecido ou não priorizado e FALARMOS COM ELE, e com certeza, I M E D I A T A M E N T E ELE nos ouvirá, perdoará e nos responderá.

    Forte abraço, Shalom.

Os comentários estão fechados.