CUIDADO COM A AVAREZA

CUIDADO COM A AVAREZA

Em Lucas 12.13-15 a Bíblia conta a história de um homem que solicitou que Jesus ordenasse para que seu irmão repartisse com ele a herança (vs 13). Contudo Jesus recusou atender ao pedido de disputa familiar porque essa função não era dele, mas das autoridades civis. Antes, proferiu um forte aviso no versículo 15: “…tende cuidado e guardai-vos de toda e qualquer avareza; porque a vida de um homem não consiste na abundância dos bens que ele possui.”

Jesus aponta para aquele rapaz e para todos nós um pecado perigosíssimo: a avareza. Avareza é o apego demasiado e mesquinho pelo dinheiro. É o desejo ardente de acumular riqueza. É a busca centralizada e desenfreado pelo dinheiro.

O apóstolo Paulo teve o cuidado de colocar a avareza na lista de pecados sórdidos e classifica-lo como IDOLATRIA. Em Colossenses 3.5 lemos: “Fazei, pois, morrer a vossa natureza terrena: prostituição, impureza, paixão lasciva, desejo maligno e a AVAREZA, que é idolatria.”

Ainda em 1 Timóteo 6.10 somos avisados: “Porque o amor do dinheiro é raiz de todos os males; e alguns, nessa cobiça, se desviaram da fé e a si mesmos se atormentaram com muitas dores.”

Os avarentos são mesquinhos e costumam fazer conta de “centavos”. Eles são orgulhos e acham-se mais que os outros; vivem de forma esbanjadora e insensível as necessidades e problemas das pessoas. Eles são mais prontos a se envolverem com diversas ações ilícitas, especialmente o roubo e a corrupção e tornam-se indispostos, críticos e zombadores a tudo o que é de Deus.

Claro, todos somos tendentes a avareza. Por isso precisamos nos lembrar que a fonte de tudo o que temos vem de Deus. Não podemos colocar nossos esforços nessa vida para “ter” mais e ser mais. Antes devemos viver com um coração contente pelo temos e sermos generosos em usar os recursos para ajudar quem precisa.

Por fim, a palavra de Jesus em Mateus 6.20-21 precisa calar todos os dias em nossos corações: “…ajuntai para vós outros tesouros no céu, onde traça nem ferrugem corrói, e onde ladrões não escavam, nem roubam; porque, onde está o teu tesouro, aí estará também o teu coração.”

Cuidado com a avareza!

Um comentário em “CUIDADO COM A AVAREZA

  1. Olá Pastor Roberto.

    Realmente, a avareza adoece a alma, corroê a moral e apodrece o caráter. Não gastar mais do que necessitamos é normal, assim como termos uma reserva responsável, porém, viver sem olhar para o necessitado, não atentar para o infortúnio do nosso semelhante, tendo como faze-lo, isso é avareza e idolatria.

    Muito ansioso para que chegue o final de semana, quando, se Jesus me permitir, estarei indo para GO. Até lá, muita saudade. Forte abraço, Shalom.

Os comentários estão fechados.