DEUS SE REVELA A VOCÊ

DEUS SE REVELA A VOCÊ…

No Antigo Testamento há aproximadamente mais de oitenta nomes para Deus. Inicialmente Ele se  auto revelou como Elohim. Em Gênesis 1.1 lemos: “No princípio criou Deus…” A palavra hebraica Elohim tem o significado de “alguém forte ou criador”.

À medida que o tempo passava, Deus não só foi visto como uma força poderosa. Os personagens da Bíblia viram-No como Alguém com quem se relaciona no cotidiano da vida.

ABRAÃO, por exemplo, usou no seu relacionamento com Deus o termo: Jeová-Jiré, “O Senhor que provê.” Ele enxergava  Deus como seu provedor. Deus lhe proveu as condições para sair de Ur dos Caldeus e viver em Canaã; Deus lhe proveu um filho em sua velhice quando tudo conspirava contra; Deus lhe proveu também quando foi testado para lhe dar Isaque em sacrifício. Ao subir ao monte, diante da pergunta de Isaque, “..onde está o cordeiro para o holocausto?”, (Gn 22.7), Abraão confiante responde: “Deus proverá para si o cordeiro para o holocausto, meu filho.” (v. 8) Para Abraão Deus é Jeová-Jiré, “O Senhor que provê.”

JACÓ, neto de Abraão, chamou Deus em seu relacionamento de Jeová-Raah, “O amoroso pastor.”  Em Gênesis 48.15 ele diz: “Deus me tem guiado toda a minha vida”. Mesmo diante de tantos erros pessoais, Jacó reconhece que Deus foi transformando sua vida, cuidando de suas necessidades e dirigindo-o em cada momento difícil. Para Jacó Deus era Jeová-Raah, “O amoroso pastor.”

Muitos anos depois, Deus se revela a um homem, GIDEÃO. Ele queria usá-lo para liderar Israel contra os midianitas. Mesmo hesitante, Gideão obedeceu ao chamado. Sua alma estava atribulada diante da tarefa que Deus lhe havia comissionado, mas Deus foi lhe acalmando o coração. Gideão em seu relacionamento com Deus chama-o de Jeová-Shalom, “O Senhor é paz” (Jz 6.24).

No Novo Testamento Deus se revela a cada um de  nós por meio de Jesus. Jesus diz em João10.30: “Eu e o Pai somos um.” E Em João 14.9: “…Quem me vê a mim vê o Pai.” Assim, em Jesus temos a PROVISÃO que precisamos. Ele afirma João 6.35: “Eu sou o pão da vida; o que vem a mim jamais terá fome…” Ele também é a DIREÇÃO que desejamos. Ele se descreve em João 10.14: “Eu sou o bom pastor; conheço as minhas ovelhas, e elas me conhecem a mim.” E ainda Ele é a PAZ que necessitamos. Ele declara em João 14.27: “…Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou.”

Em Jesus há sustento quando seus recursos estão escassos. Em Jesus há direção quando suas decisões precisam perspectiva. Em Jesus há paz quando suas lutas lhe sugerem apenas o desespero.

Qual é sua necessidade hoje? Sugiro que você ore para que Deus em Jesus possa se revelar a você de forma muito pessoal e muito especial, como fez com aqueles homens no passado. Se você orar, Ele o fará!