DEUS SUPRE!

DEUS SUPRE!

De alguma forma sempre estamos debaixo de alguma necessidade. Talvez seja física, emocional, relacional, financeira ou outra necessidade. O importante é estar convicto que Deus sabe o que precisamos, e Ele supre todas as nossas necessidades a seu tempo.

Jesus confirmou essa verdade ao ensinar em Mateus 6.8: “…Porque Deus, o vosso Pai, sabe o de que tendes necessidade, antes que lho peçais.” Paulo diante de uma necessidade financeira deu o seu próprio testemunho em Filipenses 4.19: “E o meu Deus, segundo a sua riqueza em glória, há de suprir, em Cristo Jesus, cada uma de vossas necessidades.”

Quando as necessidades chegam nossa tendência natural é ficarmos aflitos, preocupados e ansiosos. Parece que algo dentro de nós se desgoverna. E sobre isso o apóstolo Paulo nos ensina em Filipenses 4.6: “Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica, com ações de graça.” Paulo ensina que nos momentos críticos precisamos orar. Ou vamos colocar nossa cabeça em Deus ou no problema. Diante das necessidades precisamos crer que Deus supre.

Charles Swindoll conta uma história interessante ocorrida em Dallas, EUA. Havia um casal que dedicara toda sua vida para o ministério cristão. E as coisas para eles estavam bem difíceis. Eles tinham quatro filhos. Certa noite, durante o culto em família, Timóteo, o filho mais moço disse: “Papai, o senhor acha que Jesus se importaria se eu lhe pedisse uma camisa?”Claro que não…”, respondeu o pai. “Vamos colocar esse pedido no nosso livro de oração da nossa família.”Minha camisa é de número sete”, acrescentou Timóteo. Depois de várias semanas orando, num sábado, a mãe recebeu um telefonema de um fabricante de roupas do centro da cidade, um negociante cristão. Ele disse: “Acabei minha liquidação de julho e como sei que vocês têm quatro meninos, ocorreu-me que talvez possam usar o que sobrou.” O negociante perguntou ainda: “Vocês tem alguma preferência por número?” A mãe respondeu: “tamanho sete”. Ela ainda perguntou: “quantas o senhor tem?”. Ele respondeu: “Doze”.

Naquela noite, quando a família reuniu para orar, Timóteo disse: “Mãe, não vamos esquecer de orar pela camisa.” Então a mãe respondeu: “Não precisamos mais orar pela camisa, Timóteo.” O menino perguntou: “por quê”. A mãe de pronto responde: “porque o Senhor já respondeu a oração”. Timóteo chocado perguntou: “Verdade?” Então, um dos irmãos de Timóteo pegou uma camisa e a colocou sobre a mesa. Os olhos do pequeno Timóteo ficaram do tamanho de um pires. E todas as doze camisas número sete foram colocadas em cima da mesa, até formar uma pilha. Timóteo ficou tão maravilhado com o que viu, que chegou a pensar que Deus entrou no comércio de camisas. Por isso, existe hoje um menino chamado Timóteo que acredita haver um Deus no céu suficientemente interessado em suas necessidades a ponto de suprir meninos que precisam de camisas.

Deus supriu para o pequeno Timóteo e pode suprir para você também. Você crê nisso?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s