ONDE ESTÁ DEUS?

ONDE ESTÁ DEUS?

Essa é uma pergunta muito comum nos nossos dias. Basicamente ela é feita de forma sincera e especificamente quando a DOR chega.

 Por exemplo, pergunta-se: “Onde está Deus que me deixa passar por tanta aflição”? “Onde está Deus que deixou meu filho, meu cônjuge, meu pai, minha mãe, meus avós, meu irmão e meu amigo morrer”? “Onde está Deus que permitiu essa doença na minha vida”? “Onde está Deus que parece insensível diante da minha dor, da minha enfermidade e dos meus problemas?” Onde…onde está Deus”? Quando não se acha a resposta para essa pergunta, a resposta mais fácil é dizer: “NÃO HÁ DEUS”! “Ele não existe”! Será?

Essa mesma pergunta foi feita pelos vizinhos de Israel a 3000 anos atrás e foi respondida pelo salmista no Salmo 115.2: “Onde está o Deus deles? No céu está o nosso Deus e tudo faz como lhe agrada.”

O mundo do povo de Israel era dominado por divindades visíveis. Todos os povos tinham seu panteão de deuses. A expressão comum era: quanto maior a quantidade de deuses, mais proteção e segurança para a vida. Assim, acostumados com seus deuses visíveis, as nações olham para a nação de Israel, não vêem nenhum deus, e perguntam: “Onde está o Deus deles?” e o salmista responde: “No céu está o nosso Deus e tudo faz como Lhe agrada.”


Que resposta! A pergunta está respondida: “Deus está nos céus…”. Ele como soberano está lá dirigindo o mundo. Ele está vivo! Ele é real! E mais, “…FAZ TUDO como lhe agrada.”

Devemos tomar cuidado para não concluirmos algo errado sobre Deus, simplesmente porque Ele não age do modo como queremos e desejamos. Não podemos confundir o silêncio de Deus e com uma possível inércia Sua. É melhor sermos humildes e dizermos que não compreendemos o que Ele está fazendo, porque Ele “FAZ TUDO COMO LHE AGRADA.”

 Deus faz as coisas por capricho? Não! Ele é o Deus amoroso, bondoso, fiel e presente. Antes de nos agradar, Ele agrada a Si mesmo. E todos os seus propósitos e desígnios são santo, puro, bom e com objetivo.

 “Onde está Deus?” Ele está invisível aos nossos olhos, mas reinando consciente sobre tudo e todos, fazendo “tudo como lhe agrada.” E se Ele está agindo, algo de bom está por acontecer.

Na verdade a pergunta deveria ser mudada. Seria mais sábio perguntar, não “onde está Deus?”, mas, “ONDE ESTOU EU DIANTE DESSE DEUS QUE FAZ TUDO COMO LHE AGRADA?”

Lembre-se: Se você descartar Deus, você joga fora a esperança e as respostas que tanto deseja e busca para a sua vida.

Responda: onde você está diante desse Deus que “tudo faz como Lhe agrada?”