PARE DE LUTAR

PARE DE LUTAR

As provações chegam para todos. E quando os dias estão difíceis é preciso ancorar corretamente a vida. No Salmo 46.10 o próprio Deus encoraja: “Parem de lutar! Saibam que eu sou Deus!…”

O Salmo 46 é uma declaração de confiança em Deus. No versículo 1 Deus é apresentado como o refúgio, a força e o auxílio do seu povo quando os problemas chegam. O texto diz: “Deus é o nosso refúgio e a nossa fortaleza, auxílio sempre presente na adversidade.” E com base no que Deus é, o salmista diz que não tem nada a temer nessa vida. Os versículos 2,3 afirmam: “Por isso não temeremos, embora a terra trema e os montes afundem no coração do mar, embora estrondem as suas águas turbulentas e os montes sejam sacudidos pela sua fúria.”

No versículo 4 o salmista demonstra que a presença de Deus está na cidade e a chama de “…o Santo Lugar onde habita o Altíssimo.” E por isso ele afirma com confiança no versículo 5: “…Deus está lá! Não será abalada! Deus vem em seu auxílio desde o romper da manhã.” E se Deus se acha presente, Ele age contra o que pode causar problema. A tônica do versículo 6: “Nações se agitam, reinos se abalam; ele ergue a voz, e a terra se derrete.” 

 O salmista não vê em Deus uma pessoa distante da vida e de seus dilemas. Diante dos problemas ele afirma com segurança no versículo 7: “O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é a nossa torre segura.” E por viver na plena convicção de que Deus está presente na vida, o salmista faz um convite para que todos vejam Deus agindo. Ele diz nos versículos 8,9: “Venham! Vejam as obras do Senhor, seus feitos estarrecedores na terra. Ele dá fim às guerras até os confins da terra; quebra o arco e despedaça a lança, destrói os escudos com fogo.”

E após a declaração do poder e da presença de Deus, o próprio Deus fala no versículo 10: “Parem de lutar! Saibam que eu sou Deus! Serei exaltado entre as nações, serei exaltado na terra.” E o salmista conclui o Salmo exaltando a presença e o poder de Deus para com o seu povo. O versículo 11 diz: “O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é a nossa torre segura.” 

O que será determinante para você resistir com bravura os dias maus de sua vida, não será o quanto você mentaliza pensamentos positivos, ou quanto de terapia você faz, ou ainda o quanto de remédios você toma. O que fará a diferença é a sua visão de Deus.

Se você estiver crendo plenamente na pessoa, no poder e na presença de Deus, esteja certo de que Ele se manifestará também como seu refúgio, fortaleza e auxílio.

Quando Deus for tudo o que você tem, o que você confia, deseja e espera, aí sim, a sua vida entrará no eixo. E aí sim, você definitivamente vai parar de lutar.