O “VERBO” DE DEUS

O “VERBO” DE DEUS

Em João 1.1 o apóstolo João afirma o seguinte: “No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus.”

João ao abrir o seu evangelho ele apresenta o “Verbo”. O termo “Verbo” significa “Palavra”. João identifica o “Verbo” como alguém, uma pessoa que estava com Deus e era Deus. Quem seria essa pessoa? No versículo 14 João faz uma afirmação esclarecedora: Ele afirma que “o Verbo se fez carne e habitou entre nós, cheio de graça e de verdade, e vimos a sua glória, glória como do unigênito do Pai.” O “Verbo” é uma pessoa, e essa pessoa “habitou entre nós”. A pessoa que “habitou entre nós” é identificada na Bíblia como o Senhor Jesus Cristo.

João deixa claro que o “Verbo” que estava com Deus e sendo Deus veio dos céus para “habitar entre nós”. O termo “habitar” é uma expressão usada no Antigo Testamento para alguém que “monta uma tenda”. Assim, Jesus é aquele que veio dos céus para morar temporariamente entre os homens.

O versículo 14 continua dizendo que o “Verbo”, O Senhor Jesus, “habitou entre nós cheio de graça e verdade…”, ou seja, enquanto aqui esteve todas as suas atitudes demonstraram o favor, o amor, a bondade e a misericórdia de Deus, enquanto tudo o que falava e vivia revelava a verdade de forma esclarecedora e confrontadora.

João continua ainda dizendo no versículo 14 que “vimos a sua glória, glória como do unigênito de Deus. ” No versículo 18 João faz uma afirmação importante: “Ninguém jamais viu a Deus; o Deus unigênito, que está no seio do Pai, é quem o revelou.” Jesus nesse versículo não é somente o unigênito de Deus, mas Ele é identificado como o “Deus unigênito” que revelou Deus, o Pai. Assim, sendo que Deus Pai que não pode ser visto, Ele foi revelado e manifestado em Jesus e por Jesus.

Jesus, é o “Verbo” de Deus. Ele é Deus. Ele é o “unigênito de Deus”. Ele veio dos céus para manifestar e revelar a Deus. Jesus é a revelação visível do Deus invisível.

As verdades desse texto são abundantes para nossas vidas. A primeira dentre elas é que somente podemos chegar a Deus porque Ele mesmo se revelou. Não temos condição de criar nossa ida a Deus, seja por esforço próprio ou por atos de caridade, religião ou qualquer outro meio. Foi Deus que dos céus nos trouxe Jesus e é só por Ele que o Pai nos é revelado. Só chegamos a Deus por revelação dEle mesmo e não por esforços próprios.

A segunda verdade é que o fato de Deus nos ter revelado a Jesus, isso deve encher nossos corações de alegria, gratidão, louvor e adoração. Nunca chegaríamos a Deus se o Senhor Jesus não O revelasse. Estaríamos todos sem rumo e sem direção espiritual. O Senhor Jesus nos revelou o caminho para o Pai. Ele afirmou em João 14.6: “… Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.” Louvemos ao Senhor Jesus por Sua bondade em nos revelar o Pai.

A terceira verdade é que muitas pessoas estão enganadas quanto a forma de se aproximar a Deus. É preciso enfatizar e afirmar que o único meio para se chegar a Deus é Jesus. Tudo é Ele e por Ele. Ele é a boa notícia para qualquer pessoa que deseja profundamente aproximar-se de Deus. Ele é o “Verbo” de Deus que veio “habitar entre nós”. Ele é que nos “revelou o Pai.”

Pergunta: Você já reconheceu que só Jesus é o único meio para achegar-se a Deus? Você já veio a Jesus? Que Deus revele essas verdades ao seu coração.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s