PROBLEMAS COM A ORAÇÃO

Tiago 4.2,3, declara: “…Não têm, porque não pedem. Quando pedem, não recebem, pois pedem por motivos errados, para gastar em seus prazeres.”

Mais do que falar sobre a oração todos sabemos que precisamos orar. Mais do que orar, precisamos também orar corretamente.

No texto, Tiago diz que primeiramente erramos na oração por um problema básico e simples: não oramos! Habituamo-nos a não ir a Deus diante de nossas necessidades e desejos.

Nossa autossuficiência nos impede de buscarmos a Deus. Primeiramente procuramos soluções em nós mesmos, depois nos outros e nas circunstâncias, mas raramente vamos diretamente a Ele.

Tiago nos diz que erramos na oração quando não pedimos, mas erramos também por pedirmos mal, focando nossas orações em prazeres egoístas e carnais.

Deus não responderá orações que levantarão nosso ego, que nos fará mais cheios de nós, que promoverá intrigas, contendas e inveja entre pessoas, ou que nos tirará da plena dependência dEle. Deus não responde orações egoístas.

Em Mateus 7.7, Jesus nos deu uma grande promessa sobre a oração: “Peçam, e será dado; busquem, e encontrarão; batam, e a porta será aberta.” No Salmo 34.4 o Salmista nos inspira quando diz: “Busquei o SENHOR, e ele me acolheu; livrou-me de todos os meus temores.”

Assim, o problema das respostas às suas orações nunca é Deus, é você mesmo. Ou você não está pedindo ou está pedindo mal.

Você está orando? Você está orando certo?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s